Quinta-feira, 21 de Março de 2019

Buscar  
Entretenimento

Publicada em 19/12/18 às 18:00h - 120 visualizações
Filipina vence Miss Universo 2018

Vitalidade | Rádio e TV


Catriona Gray, no centro, Miss Universo 2018 - AFP  (Foto: Vitalidade | Rádio e TV (Divulgação))
A filipina Catriona Gray foi a vencedora do concurso Miss Universo 2018, celebrado em Bangcoc e que contou pela primeira vez com uma candidata transgênero.
Gray, 24 anos, superou na etapa final as representantes da África do Sul, Tamaryn Green, e da Venezuela, Sthefany Gutiérrez.

O evento foi apresentado pelo comediante americano Steve Harvey e pela modelo Ashley Graham

Na fase final, Gray foi muito aplaudida ao falar de seu trabalho nos bairros mais pobres de Manila.

Após a vitória, explicou que deseja continuar trabalhando nas Filipinas com uma organização que promove a educação sobre o vírus HIV e a aids.

“Há alguns anos perdi um amigo íntimo por complicações relacionadas com o HIV”, afirmou em uma entrevista coletiva.

“Por isto, aumentar a consciência desta causa e estimular as pessoas para que façam testes e conheçam sua condição será, sem dúvida, um dos primeiros projetos que desejo realizar”, completou.

Gray, estudante de Música, superou mais de 90 candidatas de todo o mundo na 67ª edição do concurso, organizado na Impact Arena, na capital da Tailândia.

Durante a competição, exibida ao vivo, as candidatas responderam perguntas sobre a liberdade de imprensa, a legislação sobre a maconha, os refugiados e o movimento #MeToo.

O evento foi bem recebido por abordar temas como a inclusão e por seu júri formado apenas por mulheres, incluindo empresárias e vencedoras do Miss Universo.

A edição também foi marcada pela representante da Espanha no concurso, Angela Ponce, 27 anos, a primeira candidata transgênero da história, que ressaltou o desejo de representar a “diversidade dos seres humanos”.

“Ter uma vagina não me transformou em mulher. Sou uma mulher desde antes de nascer, porque minha identidade está aqui”, declarou à AFP Ponce, apontando para a própria cabeça.

O concurso também registrou uma polêmica depois que a Miss Estados Unidos, Sarah Rose Summers, pareceu zombar das candidatas do Vietnã e do Camboja nas redes sociais por não falarem bem inglês.

Seus comentários se tornaram virais e Summers pediu desculpas em uma mensagem no Instagram.

A vitória de Gray foi celebrada na Filipinas, onde os concursos de beleza são muito populares.

Um porta-voz do presidente Rodrigo Duterte afirmou em um comunicado que a vitória de Catriona Gray colocou o país no mapa por sua “beleza e elegância”.

Fonte: IstoÉ




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário
Hora Certa

Baixe nosso Aplicativo
Equipe
  • Tony Jose

    Fone:

    Nascido em SobralCE, em 09/05/1975, iniciou os estudos na Escola Profissional São Jose (Mons. Aloysio Pinto) no ano de 1984. Ingressou na radiofonia no ano de 2011 com passagens ...

    veja mais...

Redes Sociais


Mural de Recados



Sem Recados no momento
Publicidade Lateral
Estatísticas
Visitas: 76106 Usuários Online: 80


Chat dos Ouvintes

Digite seu NOME:


Parceiros






Grupo Vitalidade - Associação Beneficente e Cultural Vitalidade
Copyright (c) 2019 - Vitalidade | Rádio e TV - Todos os direitos reservados